banner revest pedras marmores e granitos
  • Divulgação | M Turismo

Dicas para curtir o verão com segurança


Lagartear no verão, exposto ao sol, requer filtro solar para proteger a pele e hidratação para que o excesso de calor não atrapalhe o descanso. Nessa época do ano, é comum aproveitar melhor os atrativos naturais como mar, rios e cachoeiras para aplacar o calor e fazer algumas atividades de aventura e ecoturismo. No entanto, é preciso ficar atento a alguns cuidados e curtir ao máximo cada passeio com segurança.

Balneários de rios e lagoas também oferecem riscos aos banhistas. Por isso, obedeça aos alertas sobre correntezas e águas profundas, mesmo que esteja usando equipamentos auxiliares como boias e coletes. As correntes modificam a profundidade sem aviso prévio. Não pule das cachoeiras, pontes e pedras, nem mesmo em águas paradas. Esse tipo de mergulho pode causar acidente e lesionar a coluna vertebral.

Nas cachoeiras, outro perigo são as trombas d`água provocadas por cheias repentinas em decorrência de chuvas fortes. Em caso de temporais nas cabeceiras dos rios, afaste-se imediatamente dos cursos d`água. Na ausência de socorro especializado, caso presencie um afogamento, evite se aproximar da vítima diretamente. Enquanto o resgate não chega, jogue algum material flutuante para a pessoa se apoiar (boia, prancha, bola, isopor, madeira).

Piscinas de clubes, hotéis e parques aquáticos também são muito frequentadas no verão. O banhista deve respeitar os limites de peso e altura e a profundidade para uso de cada equipamento. Se a piscina for em casa, evite brinquedos e boias nas bordas e dentro d`água para não atrair crianças e, se estiver fora de uso, o ideal é ficar coberta por precaução. Outra preocupação com acidentes é acionar o filtro da piscina somente fora do horário de uso.

Crianças – Os pequenos merecem atenção especial nessa época. O uso de pulseira de identificação, com telefone, endereço e nomes de cada criança e dos pais ajuda a localizá-las caso se percam. Na praia ou em águas paradas, os pais devem supervisionar os filhos permanentemente. Boias e coletes facilitam o banho e reduzem os riscos na água.

Trilhas – As trilhas, abertas ou em mata fechada, proporcionam contato direto com a fauna e a flora e, normalmente, conduzem a outros atrativos naturais. A aventura pode render momentos inesquecíveis, mas requer cuidados em relação a quedas em relevo acidentado, picadas de insetos e ataques de animais peçonhentos. Outra recomendação, para quem não conhece o roteiro, é fazer a trilha acompanhado de um guia e caminhar apenas durante o dia.

#relax

7 visualizações
galeria meia sete.png