EUsouMS 2020.png

 ÚLTIMAS NOTÍCIAS:  Sebrae orienta empresários em tempo de pandemia

BANNER SITE - GALERIA MEIA SETE.jpg
  • Divulgação | Assessoria

Para César, a “tardança” da nova fase pessoal é agora e tem gosto de vida leve e sustentável


Motivar a vida a fazer sentido; vivendo seu fluxo. Para César Augusto Marton são coisas simples que geram valor: receber amigos para um jantar, tomar um lanche com quem não vê há tempos, andar de bike por prazer ou mesmo para chegar a compromissos profissionais e pessoais. Viajar, descobrir novas culturas e sensações, desfrutar da gastronomia também trazem um novo sentido para a vida desse paranaense que está em Campo Grande há 22 anos e já conheceu 33 países.

O tempo, hoje, é seu aliado e grande conselheiro. “Quanto mais a gente consegue viver as mínimas coisas, no momento presente, mais conseguimos chegar perto daquilo que almejamos, que é a felicidade”.

E César planeja ser feliz. Foi após a descoberta e o tratamento de uma doença que ele se permitiu descobrir o que o faria, ainda mais, feliz. Isso já faz sete anos, e de lá para cá houve um planejamento: a vida de empresário do ramo comercial está ficando para trás e ele está terminando as faculdades de Psicologia e Nutrição e já engatou uma pós em Psicologia Positiva. Seu foco: cuidar da saúde do homem, do seu processo de envelhecimento. “Depois desta doença, voltar a estudar foi uma das experiências mais bonitas da minha vida, porque me desperta a curiosidade, a vontade de saber e conhecer mais sobre tudo. Já sei que em alguns anos estarei com minha clínica atendendo e estou me preparando para esse novo momento”.

Ele mesmo reconhece a transformação pessoal e profissional pela qual está passando: “estou construindo um novo César para o segundo tempo da minha vida onde trabalho corpo, mente; busco conhecer o que me alimenta – tanto o corpo quanto a mente. Todos nós podemos construir algo novo a qualquer momento.”

As motivações sustentáveis e em harmonia com ambiente, que agregam bem-estar o fizeram chegar até o Três Meia Zero, empreendimento que também têm no cerne o valor e o respeito ao ambiente e à sustentabilidade e adaptável ao estilo de vida do morador, cuja construção segue os rigorosos padrões para obtenção do selo Aqua-HQE, uma certificação internacional da construção sustentável desenvolvida a partir da certificação.

De acordo com César, investir nesse apartamento fez sentido a partir do momento que, segundo o empresário, o empreendimento traz em seu conceito a questão da sustentabilidade e respeito ao meio ambiente, causas que também fazem parte do seu cotidiano. “É uma nova proposta de vida que quero para mim e comprar algo que eu sonhei me impregnou de uma responsabilidade na vida. Então, adotei alguns parâmetros que foram decisivos na aquisição. Eu calculei o tempo que vou despender em algumas situações e que vão tornar minha qualidade de vida melhor”. César exemplifica: chegar ao Parque das Nações, onde realiza atividades, dura 8 minutos; até a faculdade, 7,5 minutos; até o Shopping Campo Grande, 3 minutos. Distâncias medidas a pé. “E a minha futura clínica estará a menos de dois minutos de casa. Ou seja, terei uma vida longe de horário de rush. Dispensarei o carro, diminuirei poluição e contribuirei com meio ambiente. Eu acredito que não tem melhor negócio para o estilo de vida que estou me propondo. Estou computando o tempo que vou usar em coisas e ações que contribuam com a minha saúde”. Ao passar em frente à construção com um amigo bispo, pediu uma benção, no que foi prontamente atendido: “ele orou pelos trabalhadores e pela vida dos futuros moradores. É uma energia do bem”.

Visualizar essa nova etapa de vida é um dos pontos fortes desse novo projeto pessoal do empresário. “Na vida, só de se rascunhar um projeto você estará um passo a frente, pois você planejou e anteviu os problemas, os gargalos. Então, eu sei o que vou enfrentar.”

Projetar-se no apartamento já o está fazendo mudar de atitude: “algumas peças ganharam destaque na minha atual casa porque irão para meu apartamento e, outras, estão sendo doadas. Seja no quarto, sala – onde constam imagens do empreendimento da HVM – ou na agenda pessoal e até no telefone, que ganhou um novo número e é o correspondente ao do apartamento em que irá morar, tudo lembra o seu próximo passo: morar no Edifício Três Meia Zero.

“É uma projeção saudável, de quem encontrou um lugar para viver que reflete a mudança de pensamento pela qual passo e que está totalmente aderente aos meus conceitos de sustentabilidade, vida saudável e prezar pelo aqui e agora”, comenta. “Esse novo César vai me surpreender e eu estou gostando do que estou já conhecendo dele.” Ele cita um trecho do poema do argentino José Hernandez, “O gaúcho Martin Fierro”, onde diz: O tempo é a tardança daquilo que se espera. “Com tranquilidade e certeza, o Três Meia Zero é a minha tardança”, sorri.

#gente

LIGUE 188 CVV CENTRO DE VALORIZACAO A VI
Fraternidade_sem_Fronteiras_lança_camp

© 2020 #EUsouMS 

Onde devo ir? Quem devo conhecer? Qual comida tenho que experimentar? Essas são algumas das perguntas fundamentais que nós fazemos diariamente. Com este espaço queremos mostrar para todos qual é a identidade do nosso estado. Este site surgiu com um único propósito: Ser o local de encontro e de referência da cultura, das pessoas, dos sabores e dos lugares do Mato Grosso do Sul. Por isso leia, conheça, compartilhe e viva o MS com a gente! 

Sugestão de pauta? contato.eusoums@gmail.com

  • Branco Facebook Ícone
  • Branco Twitter Ícone
  • Branca Ícone Instagram