top of page
facaseusite promo.png

Advogado indígena de MS fará palestra na universidade mais prestigiada do mundo

O advogado indígena sul-mato-grossense Luiz Eloy Terena, fará palestra no dia 19 de outubro, das 17h às 20h, em Harvard, nos Estados Unidos, após a exibição do filme Rio de Ouro, da diretora Sarah DuPont. Ele falará aos alunos e participantes sobre quem lucra com a mineração ilegal de ouro na Amazônia e as consequências da mineração sobre a saúde pública, o meio ambiente e os direitos indígenas.


“Esse convite é importante porque vai se dar numa das universidades mais prestigiadas do mundo e vamos debater o impacto do garimpo em comunidades indígenas. Então, como tenho sido um advogado que tenho atuado nesses casos, tanto no Supremo Tribunal Federal como na Corte Interamericana de Direitos Humanos, temos denunciado o quanto o garimpo representa o genocídio para o povo Yanomami e Munduruku”, afirma Eloy.



Narrado pelos vencedores do Oscar Sissy Spacek e Herbie Hancock, "Rio de Ouro" é o relato perturbador de uma jornada clandestina que testemunha a destruição apocalíptica da floresta tropical em busca de ouro extraído ilegalmente. A obra reafirma o direito da floresta tropical de existir como um repositório de biodiversidade inestimável e não como os restos tóxicos da ganância do homem por ouro.


Participam do debate após o filme junto a Eloy e a diretora Sarah Dupont: César Diniz , Coordenador Técnico, Zona Costeira e Equipe de Mineração, MapBiomas; Raoni Rajão , Professor Associado de Gestão Ambiental e Estudos Sociais de Ciência e Tecnologia da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e Bolsista 2022-2023, Wilson Center; Marcia Castro, Professora Andelot de Demografia; Presidente do Departamento de Saúde e População Global, Harvard TH Chan School of Public Health; Presidente, Programa de Estudos do Brasil – DRCLAS.


“Eventos como este são importantes porque são uma forma de dar visibilidade a voz dos povos indígenas lá fora. Eles ressoam, de uma certa maneira, como uma cobrança, uma pressão tanto ao governo brasileiro quanto aos setores da sociedade civil”, explica o advogado.


O evento terá transmissão online, com tradução simultânea para o português. A inscrição para participação virtual pode ser feita AQUI. Eloy ainda passará a semana toda nos Estados Unidos, conversará com pesquisadores, irá a centros de pesquisa para levar à comunidade acadêmica estadunidense informações sobre a realidade dos povos indígenas do Brasil.


Histórico


Eloy é indígena Terena, que nasceu na aldeia Ipegue, localizada no distrito de Taunay/Ipegue, em Aquidauana. Formado em direito, ele começou a atuar no movimento indígena no que tange ao direito à terra indígena e atualmente é o consultor jurídico geral da Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (APIB). Possui pós-doutorado pela École des Hautes Études em Sciences Sociales, França, e doutorado pelo Museu Nacional, Universidade Federal do Rio de Janeiro.


Sua tese de doutorado, “Vukápanavo – O despertar do povo Terena para seus direitos: movimento indígena e confronto político” recebeu menção honrosa na edição 2020 do prestigioso Prêmio de Excelência Acadêmica da Associação Nacional Brasileira de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais.




0 comentário
Fraternidade_sem_Fronteiras_lança_camp
LIVRARIA CAMPO GRANDE MS.png

 ÚLTIMAS NOTÍCIAS:  #EUsouMS Entrevista: Descubra arte com a Galeria MEIA SETE

EUsouMS 2020.png
bottom of page