top of page

Com atrações artísticas e plantio de árvores, Sarau no Parque é sucesso em Anhanduí

Público curtiu as apresentações gratuitas e mostrou que até distritos necessitam de mais eventos culturais


Pela primeira vez, o Sarau Cidadania e Cultura no Parque foi a um distrito de Campo Grande e não aconteceu num domingo. No feriado da Proclamação da República, na terça-feira (15), o festival esteve na Associação dos Moradores de Anhanduí, distrito da Capital que fica distante cerca de 50 quilômetros. Foram diversas apresentações no palco: teve música, performance teatral, dança, mágica, palhaçaria, entre diversas outras. Também ocorreu o plantio de 30 plantas no entorno da associação.



O Sarau começou animado com show da dupla sertaneja Enzo e Marcelo, que fez o público cantar e dançar sucessos do estilo. Depois o New York Circus animou quem esteve presente com seus números. Em seguida, teve reggae com Laris, clássicos do rock com o projeto Hippie e mágica com João Victor.


Um dos shows mais aguardados da noite, do músico Sérgio Dorneles, cantor que participou do programa The Voice e mora no distrito, agitou o público que lotou as cadeiras para assistí-lo. “Anhanduí tem muito a somar para a cultura de nosso Estado, eventos como este despertam e inspiram as pessoas a desenvolverem seus talentos, abrem espaço para que artistas possam apresentar seus trabalhos e permitem aos moradores participar e ter acesso à cultura, que é pouco difundida por aqui”, ressalta o cantor que vive no distrito.


Na sequência foi a vez do artista Felipe Lourenço subir ao palco, com o monólogo “Apostas da Vida”. Ele manteve a atenção do público com uma apresentação emocionante. “Foi uma apresentação ímpar para mim, nunca tinha apresentado um monólogo com um conteúdo tão denso, explorar a faceta deste personagem diante do público de Anhanduí foi incrível. Fazer o sarau de forma itinerante, circulando pelos bairros e distritos da cidade é uma ótima ideia, já que leva a cultura para quem de fato precisa”, afirma.


Ainda houve apresentações de dança com os Amigos do Flashback e Anne Martins e Marcos Mamedio, e shows de Mel Dias, Beca Rodrigues e Vinil Blue. “Necessitamos de mais eventos culturais por aqui, temos dificuldade de ir a Campo Grande para assistir apresentações artísticas. Foi muito bom ter essa oportunidade, conheci muitos artistas excelentes e pude me divertir com minha família”, pontuou a vendedora Natália Rodrigues, que estava com os dois filhos curtindo o sarau.


Além do palco, havia stand com oficina de break da Liga Breaking, stand de artes visuais, de literatura, de cultura indígena, moda e gastronomia, que abriu espaço para empreendedores locais venderem seus pratos.

0 comentário

Comments


Artes Livia  (Story)-3.png

 ÚLTIMAS NOTÍCIAS:  #EUsouMS Entrevista: Descubra arte com a Galeria MEIA SETE

#EUsouMS POSTS-4.png
bottom of page