EUsouMS 2020.png

 ÚLTIMAS NOTÍCIAS:  Sebrae orienta empresários em tempo de pandemia

respire 6.gif
BANNER SITE - GALERIA MEIA SETE.jpg

#EUsouMS Entrevista Felipe Zuffo, o nome por trás da MoageM

Hoje o #EUsouMS Entrevista o cervejeiro Felipe Zuffo, o nome por trás da MoageM, uma das primeiras, se não a primeira, cerveja artesanal autenticamente produzida em Mato Grosso do Sul.

Felipe iniciou os estudos e os processos de produção em 2006, segundo ele “Ainda não existia a “moda da cerveja artesanal” por assim dizer. O que tornava tudo muito difícil.”. Porém, depois de muito trabalho, dedicação e persistência eles conseguiram montar sua própria planta industrial.

O reconhecimento da qualidade da cerveja MoageM veio rápido! “Já no primeiro ano de funcionamento tivemos a felicidade de ganhar uma medalha no concurso Nacional, em Blumenau. Isso nos motivou a continuar e sinalizou que estávamos no caminho certo.”.

Hoje, além de atender por venda direta, a MoageM também inaugurou sua loja própria no Shopping Campo Grande e Felipe também possui um podcast sobre a arte da cerveja.



Confira agora a entrevista que a nossa equipe fez com ele:

#EUsouMS – O que a MoageM trás que traduz a identidade de MS?

Desde os primeiros testes de produção o foco foi criar produtos regionais. Não só usar ingredientes regionais, mas ter o fator regional presente em métodos, pessoas, insumos, tudo o que fosse possível. A cerveja é um produto regional. Apesar da massificação e internacionalização do mercado atual, cerveja é do bairro. Igual o pãozinho que você compra todo dia na padaria do bairro, o correto é comprar a cerveja todo dia na cervejaria do bairro também.

#EUsouMS – Hoje como é composto o público da MoageM, é mais exigente?

É uma tendência, as pessoas estão buscando mais qualidade nos alimentos. E não só qualidade no sentido de segurança alimentar, padrão na produção e riqueza gastronômica. Esta qualidade também tem a ver com a questão humana, social. Ajudar o trabalho local, o produto local, o mercado pequeno, passa a ser visto com mais simpatia pelo consumidor.

#EUsouMS – Em meio a pandemia que enfrentamos em 2020, a MoageM se reinventou e abriu uma loja no Shopping Campo Grande. Como tem sido a recepção do público?

A resposta do público não poderia ter sido melhor. A idéia é antiga. Uma cervejaria artesanal tem que conversar com o público de forma íntima, tomar uma cerveja juntos. Ouvir o que as pessoas tem a dizer, faz parte do processo de ser regional. Você consegue fazer isso com o churrasco da esquina, do cachorro o pastel da feira, ou quando você vai ao seu restaurante favorito. A cerveja tem que ser assim. O cliente tem que se sentir a vontade para dar sua opinião diretamente para quem produz aquela bebida, e não para um SAC. Isso é cerveja artesanal. Independente do volume que se produz. E nosso próprio ponto de venda tem a ver com isso, com essa proximidade, amizade, prazer em conhecer quem consome o que a gente faz. Tudo isso aliado a comodidade do cliente ter um local central, de fácil acesso e rápido atendimento.


#EUsouMS - No espaço também é possível consumir diferentes tipos de chope. Os clientes também buscam fazer a degustação de sabores diferentes no local?


Com certeza. O cliente da cerveja artesanal, quer novidade. Precisa de diversidade. Às vezes pela experiência, outras vezes pela história que temos por trás de cada produto. Em nossa loja, estamos preparados para atender qualquer um desses casos. E ainda, oferecemos opções para quem procura um presente original e exclusivo. Tudo isso dentro do contexto cervejeiro.


#EUsouMS – Quais os sabores disponíveis hoje na MoageM?

Todos os nossos produtos são fornecidos principalmente na versão chope. Seja em barris de 15L e 30L com chopeira, em embalagens pequenas de 1 e 2 litros e em garrafas. Ao todo temos mais de 30 rótulos, entre permanentes e sazonais. Mas o que define isso é o próprio mercado. As cervejas que são mais produzidas são determinadas pelo cliente. Destaco a MoageM Terere IPA, que já foi eleita a melhor em seu estilo nacionalmente, a MoageM Guavira Wit, e nosso mais recente lançamento que já vem fazendo muito sucesso, a MoageM Tereré APA, que também leva a erva mate de Tereré em sua produção.



#EUsouMS – Qual a diferença básica de cerveja e chope?

Existem várias formas de abordar esse assunto. Eu gosto mais da que se baseia na legislação brasileira. Tudo é cerveja, mas se é pasteurizada ela DEVE ser rotulada com o nome “cerveja”. Caso seja o produto fresco, não pasteurizado, ela PODE ser rotulada com o nome “chope”. Preste atenção nos verbos, rs. O que causa mais confusão ainda. Mas é claro que tem um fator coloquial. As pessoas assimilam como chope, aquilo que é fornecido em barril e servido através de uma máquina (chopeira), sendo pasteurizado ou não. No resto do mundo, essa diferenciação não existe no nome do produto. Tudo é “cerveja”.

#EUsouMS – A moagem possui vários tipos de cerveja. A tradicional, Pilsen, ainda é a mais consumida?

Sim. Nossa pilsen é produzida com muito carinho, e é um produto de desenvolvimento permanente em nossa fábrica. Não temos receio de fazer pequenos ajustes na receita quando necessário, se julgarmos que isso vai agregar, melhorar. Muita gente considera o estilo PIlsen fora de escopo das cervejas artesanais. Mas de fato, é o estilo mais difícil de se produzir. Mas é o estilo mais consumido no mundo, não podemos virar as costas pra ele. Sem falar que eu gosto muito de uma boa pilsen fresquinha. É um desafio pessoal diário. E é um estilo delicado, que não aceita desaforo. Não adianta nada você tomar uma pilsen que sofreu grandes viagens, balançou, esquentou, enfim.

#EUsouMS – Qual sabor do catálogo da Moagem você indicaria para quem quer provar uma cerveja diferente?

Olha... diferente mesmo. Talvez a Trem do Pantanal seja uma das mais exóticas. É uma cerveja com teor alcoólico elevado, tem maltes defumados em sua composição e por último recebe pimentas na maturação. Muitas pessoas assimilam com bacon, em virtude de ser defumada... é uma Rauchbock com pimenta.

#EUsouMS A loja ficou linda e super conceitual. Existe planos de expansão?


Sim. Todo negócio tem que ter um plano de expansão. O conceito da loja ficou muito bacana e tem nos rendido elogios. Mesmo com a situação do "novo coronavirus" a loja trouxe bons resultados. Foi assertivo o modelo de negócio ali empregado. Porém, existe uma vontade grande de abrir novos pontos, que talvez possam abranger mais um pouco a questão da gastronomia. Alguns empreendedores já nos fazem consultas a respeito de franquear o modelo já existente. Estamos estudando e tratando com cautela no momento.


Serviço:

Loja: Shopping Campo Grande

Instagram: @moagem

Faceboock: Cerveja MoageM

Whatsapp (67) 99960-5678.

0 comentário
gif eu sou ms.gif
Video.gif
Fraternidade_sem_Fronteiras_lança_camp
Captura de Tela 2021-01-14 às 08.39.19.p
Para Você.jpg