EUsouMS 2020.png

 ÚLTIMAS NOTÍCIAS:  Sebrae orienta empresários em tempo de pandemia

respire 6.gif
BANNER SITE - GALERIA MEIA SETE.jpg

No Dia do Cabeleireiro (19), profissionais se adequam às novas demandas

Para fazer a cabeça das pessoas, além de secadores e produtos, as novas ferramentas dos cabeleireiros são agora a inovação e a transformação. Os profissionais dos salões não reclamam e reconhecem que adaptabilidade é a regra do jogo para os mais variados segmentos. Na sexta-feira, dia 15, os profissionais do Morena Mulher e da 262 Barbearia, no Shopping Campo Grande, estavam com o “secador na mão” e foi preciso aguardar para que um deles pudesse responder sobre a representatividade do Dia do Cabeleireiro, comemorado no dia 19 de janeiro. Os profissionais da beleza se adequaram às novas demandas e os salões e barbearias também. Algumas mulheres, mesmo adotando os fios brancos para evitar a frequência nos salões, perceberam a necessidade de um produto, de um corte moderno, e as mãos mágicas das profissionais para o acabamento.

E, foi no atendimento, que o barbeiro Ranucci, como é conhecido o profissional Luciano Matheus de Souza Ranucci, da 262 Barbearia, apostou. Ele, que comemora 30 anos de profissão, comentou que nunca passou por um período com tantas provações. “Foi preciso se adaptar. Se a máscara deixa a barba marcada é preciso repensar o visual, usar uma barba mais baixa ou mesmo não a usar mais”, aconselha.


A verdade é que se sentar numa cadeira e fazer qualquer tratamento faz diferença na autoestima e a sacada do profissional foi manter o contato diretamente com seus clientes, lembrando de dar um “up” no visual. Conforme Ranucci, a frequência caiu e fez com que ele buscasse estreitar o relacionamento com seus clientes de outra forma. “O trabalho remoto fez com que a necessidade semanal passasse a ser quinzenal, mas adotei o hábito de lembrá-lo que precisa vir cortar o cabelo ou ajeitar a barba”, comenta.


Para qualquer segmento é difícil comemorar as mudanças desse período, mas para profissionais que tem na transformação sua sobrevivência a adaptação é parte da rotina. Mesmo com o impacto, cabeleireiros e barbeiros estão se adequando, afinal qual a mulher deixa de fazer a unha, uma hidratação ou mesmo escovar os cabelos. “Nosso atendimento mudou. Hoje quem vem ao salão quer algo mais rápido”, comentou o hair stylist, do Morena Mulher do Shopping Campo Grande, João Victor Rei, conhecido como o Rei das Loiras.


Os serviços feitos no salão, em parte, migraram para a comercialização de produtos de beleza como shampoos, cremes e outros tratamentos. “Serviços que eram feitos no salão passaram a ser feitos em casa. O resultado disso é que acabamos prestando consultoria e vendendo mais produtos para que nossas clientes façam o tratamento em casa”, apontou.


Dia do Cabeleireiro

O Dia Nacional do Cabeleireiro é comemorado oficialmente no dia 19 de janeiro. Não só cabeleireiros e barbeiros são homenageados nesta data instituída pela Lei nº 12.592, de 18 de janeiro de 2012. Também são celebrados os esteticistas, manicures, maquiadores, depiladores e demais profissionais da beleza.


Serviços

262 Barbearia e o salão Morena Mulher do Shopping Campo Grande ficam abertos diariamente das 10 às 22 horas. É preciso fazer agendamento para os serviços. 262 Barbearia – (67) 3321-6066 Morena Mulher – (67) 3047-3700



0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
gif eu sou ms.gif
Video.gif
Fraternidade_sem_Fronteiras_lança_camp
Captura de Tela 2021-01-14 às 08.39.19.p
Para Você.jpg