EUsouMS 2020.png

 ÚLTIMAS NOTÍCIAS:  Sebrae orienta empresários em tempo de pandemia

BANNER SITE - GALERIA MEIA SETE.jpg
  • Divulgação | Assessoria

Reynaldo Gianecchini e André Trigueiro ressaltam o trabalho da Fraternidade sem Fronteiras


O ator e o jornalista participaram do IV Encontro da Organização humanitária e reforçaram os pedidos de ajuda ao combate à fome, com a Campanha Viver Fraternidade

O jornalista André Trigueiro e o ator Reinaldo Gianecchini marcam presença no segundo dia de IV Encontro Fraternidade sem Fronteiras, da Organização humanitária Fraternidade sem Fronteiras (FSF). O evento seria realizado na cidade de São Paulo/SP, mas por motivo da pandemia provocada pelo Coronavírus, foram adotadas medidas de segurança e o momento se dá no formato online.

André Trigueiro foi quem abriu as atividades do último sábado (18), com reflexões sobre fraternidade e sustentabilidade. Conhecedor do trabalho da FSF, ele falou da importância da Organização em agir de forma imediata contra a dor e a fome no mundo. “A Fraternidade sem Fronteiras está alistada nas fronteiras do bem ao promover o ‘Agir Agora!’". Além disso, lembrou e pediu a ajuda de todos para a Campanha Viver Fraternidade, lançada na abertura do IV Encontro FSF, no dia 17 de abril de 2020.

No fim do ano passado, Trigueiro lançou o livro “A Força do Um” com todos os direitos autorais revertidos para a Fraternidade sem Fronteiras. “É comovente a abnegação dos que se desdobram para minorar a imensa dor causada pela miséria absoluta. Trabalhar na linha de frente, onde o abandono, a desesperança, a falta de água e de comida, de saúde e de dignidade, é exercitar o amor em seu estado mais puro e luminoso”, conclui.

Pelo Instagram, em um bate-papo parte da programação, o ator e apoiador da causa, Reynaldo Gianecchini, relembrou juntamente com o diretor de Relações Públicas da FSF, Andrei Moreira, a sua ida para a África, onde conheceu os trabalhos de acolhimento da Fraternidade sem Fronteiras: “Eu gosto de conhecer os lugares que ajudo. Foi muito importante ir até lá e ver o que nunca tinha visto: tanta miséria!”.

Por tudo que viveu lá, Gianecchini reforçou o desejo de voltar à África. “Aquela experiência foi enriquecedora e por isso faço questão de continuar ajudando e pedindo a ajuda de mais pessoas para participarem das ações da FSF”, disse o ator, se referindo inclusive à Campanha Viver Fraternidade.

Ainda ontem, o psicólogo e apoiador da causa, Rossandro Klinjey fez reflexões sobre o tema “Seja você a mudança que quer ver no mundo” e falou dos benefícios para quem ajuda ao próximo: “Servir é uma escolha inteligente. Não importa as razões que nos movem, inicialmente. O servir amadurece! A alma acaba por se revelar na sua essência e assim nos modifica”.

O público ainda pôde, ao longo do dia, conhecer a experiência de caravaneiros e alguns projetos da FSF, entre eles: Retratos de esperança, Amor sem dimensões, Chemin Du Futur, Fraternidade na rua, Ação Moçambique, e Brasil, um coração que acolhe. “A Fraternidade não só dá a comida, roupa e educação, ela ajuda a recuperar a dignidade humana. Mais que abrigar, a gente acolhe as pessoas”, reforça o vice-presidente da FSF, Ranieri Dias.

Campanha Viver Fraternidade - A iniciativa visa arrecadar doações para a compra de 66 mil cestas básicas, que serão destinadas a 52 instituições brasileiras, dentre elas, projetos da própria FSF; e 39 centros de acolhimento mantidos pela Organização, na África.

A meta é fornecer durante dois meses, suporte a um total de 51 mil pessoas - sendo 36 mil famílias residentes no Brasil e 15 mil crianças na África, que estão em situação de grande vulnerabilidade, durante a crise ocasionada pelo coronavírus (Covid-19). Todas elas estão cadastradas nas instituições parceiras e projetos beneficiados pela Fraternidade sem Fronteiras.

Para participar da campanha e conferir os projetos beneficiados, basta acessar www.fraternidadesemfronteiras.org.br/viverfraternidade e fazer sua doação, escolhendo o país de destinação da cesta básica: Brasil ou África.

IV Encontro FSF - Trata-se de um evento anual da Organização Fraternidade sem Fronteiras, com objetivo de falar, refletir e vivenciar a fraternidade. O evento começou na sexta-feira e encerra neste domingo (19).

A programação será das 9h às 18h30 (horário de Brasília) e segue com participações da Irmã Aíla Pinheiro; Wellerson Santos; Andrei Moreira; Wagner Moura Gomes; convidados da Ação Madagascar; Gilson Luiz Roberto; DJ Alok; Aline Teixeira; Afro Stefanini; Ângela Araújo; e Caçadores de Bons Exemplos, Iara e Dudu; além da apresentação musical de Anatasha Meckena.

Por: Laureane Schimidt - Assessoria de Imprensa FSF


LIGUE 188 CVV CENTRO DE VALORIZACAO A VI
Fraternidade_sem_Fronteiras_lança_camp

© 2020 #EUsouMS 

Onde devo ir? Quem devo conhecer? Qual comida tenho que experimentar? Essas são algumas das perguntas fundamentais que nós fazemos diariamente. Com este espaço queremos mostrar para todos qual é a identidade do nosso estado. Este site surgiu com um único propósito: Ser o local de encontro e de referência da cultura, das pessoas, dos sabores e dos lugares do Mato Grosso do Sul. Por isso leia, conheça, compartilhe e viva o MS com a gente! 

Sugestão de pauta? contato.eusoums@gmail.com

  • Branco Facebook Ícone
  • Branco Twitter Ícone
  • Branca Ícone Instagram