EUsouMS SESSION PLANA.png
respire 6.gif
BANNER SITE - GALERIA MEIA SETE.jpg

CORES DA VIDA: Qual seu limite?

Estive perguntando para algumas pessoas sobre limites. A maioria remeteu sobre limite do cartão de crédito. Mas, poucas entenderam o que queria dizer. Na vida todos temos limites que não dão para serem ultrapassados. Vamos falar sobre eles?


Quando pergunto a você: qual seu limite? O que vem em mente? Calma! Não pense na sua fatura do cartão. Pense em como você se sente em relação ao tratamento que algumas pessoas dão à você. É sobre isso que quero conversar hoje.


Antes de mais nada, quero deixar claro que esse texto não contém ironia e nem indiretas. É apenas uma reflexão que tive divagando em uma das minhas viagens ao mundo da lua. Mas, achei importante salientar esse ponto.


Uma pessoa pode te tratar perfeitamente bem e do nada te tratar mal. Cabe a você aceitar isso ou não. Uma coisa que aprendi, foi que se fulano fez tal coisa, foi porque ele quis. Não existe explicação mais lógica que essa.


Se a pessoa te trata mal e você aceita, não chegou ao seu limite. Todos temos. Existe uma linha que não deixamos ninguém ultrapassar. Pode ser que ela seja muito discreta e pareça que não exista. Mas tem. Todo mundo tem um limite.


Cada ser humano tem um que não deixa usarem sua roupa preferida emprestada. Que não faz favor financeiro para determinadas pessoas. Que não vão para lugares com algumas pessoas. Que não fazem certas coisas porque não gostam. Não comem algumas comidas. Não usam alguns estilos de roupas ou sapatos. Não fazem questão de alguns lugares e nem pessoas. Isso porque é o limite, cada um tem o seu, por mais que nunca tenhamos pensado sobre isso.


Esses dias percebi que estava deixando algumas pessoas ultrapassarem alguns. Pude perceber o quão mal nos causa isso tudo. E a maior aprendizagem que tive de tudo isso foi que: nada e nem ninguém vale a barreira do seu limite físico e psicológico. Se a gente vai cumprir isso, já são outros quinhentos. Mas que é o maior e melhor aprendizado dos últimos meses, tenho certeza.


Por isso, entenda seus limites, entenda quem está passando e se vale a pena o risco. Existem riscos que valem a pena a gente enfrentar, outros apenas vão nos causar dores de cabeça ou a famosa ressaca, e ressaca depois de uma certa idade, é mais difícil de curar. Eu, particularmente, acho imprescindível a gente saber o que merecemos e o que deixamos as pessoas acharem o que merecemos, porque depois que ultrapassarem essa linha, além de ser difícil de voltar, pode ser extremamente doloroso.


Aliás, qual é o seu limite?



0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Fraternidade_sem_Fronteiras_lança_camp
Captura de Tela 2021-01-14 às 08.39.19.p
Video.gif

 ÚLTIMAS NOTÍCIAS:  #EUsouMS Entrevista: Descubra arte com a Galeria MEIA SETE

EUsouMS 2020.png