EUsouMS 2020.png

 ÚLTIMAS NOTÍCIAS:  Sebrae orienta empresários em tempo de pandemia

respire 6.gif
BANNER SITE - GALERIA MEIA SETE.jpg

Luke do dia: Dia da alergia.

Luke é o sortudo do rolê.

Ele realmente tem sorte de ter achado um lar que o enche de amor e carinho, mas em compensação, em outras áreas o bicho é, como diria minha mãe: Cagado de urubu. E essa é a história de como ele quase teve um choque anafilático.

Anualmente, desde que ele tem a idade de tomar a vacina contra Leishmaniose, ele é vacinado. Sempre foi algo bem calmo, tomava vacina, ficava uns dias ruinzinho e depois já estava 100%. Mas, como 2020 foi um ano às avessas, logicamente algo aconteceu.

A programação era que minha irmã o levaria na sexta-feira pela manhã, daria a vacina e sairia para fazer o mercado. Mas, como sábado é dia de banho do canino, falei que levaria ele no outro dia.

E assim o fiz. Ele tomou banho, tomou vacina e voltou pra casa. Foi pisar em casa e beber dois potes gigantes de água que ele começou a ficar inquieto. Se jogava no chão para coçar, a mancha branca que ele tem na mandíbula começou a ficar vermelha e ele ficou notoriamente incomodado.

Tiramos a coleira dele e a gravatinha, porque pensamos que poderia ser perfume no banho que o deixou assim. Mas, resolvi ligar para a Vet perguntando se haviam trocado algo do banho, pois Luke estava se coçando muito.

No meio da ligação já observo outra coisa: os olhos do Luke começaram a inchar e ele cada vez mais ficava incomodado. Falei isso para a Vet e ela falou: É reação da vacina. Pega ele e leva no plantão da clínica xxx (que eu não lembro o nome hehehe).

Fui colocar a coleira nele e para a surpresa... ela não fechava mais. Em questão de 5 minutos um cachorro gordinho já estava virando uma almôndega. Aí o desespero foi a um nível elevadíssimo. Abrimos mais a coleira, taquei o cachorro no banco de trás do carro e fiz algo que não me orgulho: furei todos os sinais possíveis.

Meu carro nunca foi tão rápido na vida dele. Desci com o Luke na clínica e quatro veterinários já estavam lá prontos para atender minha almondegazinha. Luke tomou medicação na veia e ficou em observação por algumas horas em uma baia confortável e com ar condicionado, enquanto a gente em casa sofria de ansiedade e angústia.

No final da tarde o spa do Luke acabou. Ele estava bem, saudável e cheio de vontade de voltar para casa.

Para buscar o ex almôndega, fomos a família toda. E desde este momento temos a máxima que: com o Luke toda medida de segurança é válida. Porque ô bichinho que gosta de uma surpresa.



0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
gif eu sou ms.gif
Video.gif
Fraternidade_sem_Fronteiras_lança_camp
Captura de Tela 2021-01-14 às 08.39.19.p
Para Você.jpg