EUsouMS 2020.png

 ÚLTIMAS NOTÍCIAS:  Sebrae orienta empresários em tempo de pandemia

respire 6.gif
BANNER SITE - GALERIA MEIA SETE.jpg

#EUsouMS Entrevista: General R3


Hoje o #EUsouMS Entrevista o rapper General R3 que entrou no movimento Hip-Hop em 1995 por meio da dança, "Iniciei dançando Breaking e ali foi o meu primeiro contato com estilo. Comecei a expressar o que eu sentia por meio da retórica e desde ali a curiosidade em experimentar as escritas em vários ritmos.".

General R3 sempre bebeu da fonte de vários artistas do nosso país e a referencia da brasilidade da nossa música está presente em todas as suas faixas "Ritmando o que eu escrevia, e observando a influência de Tim Maia, Cassiano e Reinaldo Príncipe, abriu um leque de buscas pela musicalidade ideal".


Ele também conta com definiu seu estilo "Busquei o conhecimento musical ouvindo de tudo um pouco, e passei por diversos grupos Rap, e nos dias de hoje tenho uma formação diferente do Rap, e o Rap com banda que traz grande influência da música black e da música brasileira, uma sonoridade com refrãos fortes e poéticos em uma conexão única com a poesia ritimada".


Confira agora a entrevista que a nossa equipe fez com o artista:


#EUsouMS – Mato Grosso do Sul tem uma cena musical independente muito forte e as pessoas estão ouvindo cada vez mais os artistas do nosso estado. Como é para você esse crescimento?


É uma satisfação imensurável acompanhar a cena e de certa forma contribuir pela valorização do artista local.


Em pareceria com meu Produtor Rick Agra com quem divido as autorias das letras, criar novas canções é uma dádiva. Mesmo em meio a tantas dificuldades, dentre elas talvez seja a mais presente a questão do preconceito da marginalização que nosso estilo sofre, muitas vezes é julgada sem ao menos ter a chance de reconhecer a poesia em nossas canções.

#EUsouMS – Quais são as suas maiores influências na música?


Ouço de tudo um pouco, já que o Brasil é muito rico em estilos e vertentes.

Minha influência é Tim Maia, Cassiano, Ohio Players, e na atualidade Boogie Naipe, Luiz Lins, Kayuá. Essas são minhas influências que somadas as do Rick que traz em seu repertório grande influência da música brasileira e até mesmo do blues e do jazz, isso contribui para um som tão diversificado que estamos criando.


#EUsouMS – Existe algum artista completamente diferente do seu som que você curte ou admira?


Gosto muito da sonoridade e mutação do Zé Pretim Bluesman, Reinaldo Principe,

Pericles, Jerry Espindola, Guga Borba, Karla Coronel, Fiote e minha parceira de banda Vivi Calazans.

#EUsouMS – Como você define o seu trabalho hoje?


Um trabalho autoral, carregado de poesia, falamos sobre o amor, sobre a vontade de seguir em frente, o desejo de vencer e sempre focar naquilo que é positivo o rap pode entreter, mas ele também te faz refletir, então nosso som busca trazer reflexão e acreditar que “tudo tem o seu momento”. E nesse momento nosso som tem uma leveza experimente sem preconceito ou preceitos você vai gostar.


#EUsouMS – Em meio a pandemia todos os artistas foram afetados. Como está desenvolvendo o seu trabalho? Esse é um momento criativo para você?


Dentro de todos os procedimentos de biossegurança estamos tentando nos manter em atividade, deixando as apresentações e tendo um momento mais íntimo pra nossas criações. É claro que os dias de hoje nos influencia a escrever sobre solidão, saudades e claro esperança “não importa vou sempre fazer com amor”.


#EUsouMS – Já escutei seu novo single (Muito Bom!) Como você trabalhou a construção dele? O que você dá mais importância nesse processo?


Essa música fala sobre “seguir em frente” quem não pensa em desistir? Uma música que injeta ânimo primeiramente em nós que diante de todas as dificuldades, falta de apoio, preconceito e racismo, nos deparamos em uma situação e o desejo e desitir, mas como diz a música: Se for preciso, eu tento quantas vezes for.


A música foi construída pra ser “leve” tem um ritmo pra dançar, o Rick buscou um sonoridade samba-rock no segundo refrão que ao escutar da vontade de dançar.

Resumindo construímos uma canção que veio das nossas almas que repetimos a nós mesmos: persista, insista e deixar o amor fluir, o amor pela vida, o amor por se sentir bem.



0 comentário
gif eu sou ms.gif
Video.gif
Fraternidade_sem_Fronteiras_lança_camp
Captura de Tela 2021-01-14 às 08.39.19.p
Para Você.jpg