EUsouMS SESSION PLANA.png
respire 6.gif
BANNER SITE - GALERIA MEIA SETE.jpg

#EUsouMS Entrevista: Sarah Caires

Atualizado: 6 de ago. de 2021

Hoje o #EUsouMS entrevista Sarah Caires, artista sul-mato-grossense especializada em papietagem. Em 2021 Sarah, que já completa 6 anos trabalhando com esculturas, e está criando uma série nova, lançou um curso online para compartilhar as técnicas e a arte de transformar papel em escultura.

Conhece essa técnica? A Papietagem é uma técnica artística utilizada para criar objetos a partir de tiras de papéis, coladas e sobrepostas em camadas. Com essa técnica Sarah transforma papéis diversos em objetos criativos e esculturas.


Hoje ela está trabalhando em sua nova coleção “estou em processo, não tenho muita coisa fechada ainda, estou me permitindo experimentar. E em paralelo continuarei ensinando sobre a arte de transformar papel em escultura.”.


Confira agora a entrevista que a equipe do #EUsouMS fez com essa grande artista do nosso estado:


#EUsouMS - A criatividade é uma das bases do seu trabalho. Como funciona o seu processo criativo?


Meu processo é fluído, não é todo momento que estou criativa e quando não estou criativa estou em busca da criatividade. Respirar conscientemente me traz para o momento presente, presto atenção se fico julgando minhas ideias, o julgamento é aquela parte que paralisa seu processo e você souber driblar isso, pode criar qualquer coisa.


#EUsouMS - Quais são as maiores curiosidades das pessoas que tem o primeiro contato com a papietagem. Como é o processo de produção?


As pessoas querem saber como começar a trabalhar artisticamente com materiais mais acessíveis e também respeitando o meio ambiente, o papel machê e a papietagem possibilitam isso. É uma técnica relativamente barata, isso chama atenção. As pessoas podem usar materiais recicláveis como papelão, embalagens plásticas, rolinho de papel para montar a estrutura. Damos volume com papel amassado e agregamos com fita, depois vem o revestimento com papel machê, que é uma massa de papel triturado com cola e água, ou a papietagem que são tiras de papeis rasgados, que pode ser folhas de revistas, jornais, e por aí vai... E a última etapa que pra mim é a mais divertida é a finalização com a pintura.


#EUsouMS - Qual dica você daria para quem quer iniciar na arte da papietagem?


Se aventure na sua primeira escultura e irá se apaixonar.


#EUsouMS - Em meio a pandemia, o que está te inspirando?


Desde o ano passado, quando aconteceu a pandemia, foquei parte da minha energia em criar um curso online para ensinar as pessoas sobre como criar esculturas a partir do papel e deu certo, foram 3 turmas em 2020. São aulas gravadas que os alunos tem acesso durante um ano, cada um pode fazer no seu tempo de acordo com sua agenda.


#EUsouMS - Como você enxerga o mercado da arte em meio a pandemia e ao isolamento?

As pessoas ficaram mais em casa e isso fez com que muitos quisessem ter por perto objetos que pudessem trazer boas sensações. No meu caso, houve procura de encomendas, mas a possibilidade de aprender algo novo arte de forma virtual, houve também procura por cursos para que as pessoas pudessem explorar a criatividade e ter um momento de conexão consigo mesmas.


Quer conhecer um pouco mais do trabalho da Sarah e saber tudo sobre o curso on-line? É só acessar o Instagram @ateliesarahcaires


Fotos: Pri Mota

0 comentário
Fraternidade_sem_Fronteiras_lança_camp
Captura de Tela 2021-01-14 às 08.39.19.p
Video.gif

 ÚLTIMAS NOTÍCIAS:  #EUsouMS Entrevista: Descubra arte com a Galeria MEIA SETE

EUsouMS 2020.png